Por Fernando Abelha

Aconteceu, sexta-feira, 17, encontro de confraternização da Associação dos Aposentados da Rede Ferroviária Federal S.A. – AARFFSA juntamente com a Associação dos Engenheiros Ferroviários da Estrada de Ferro Leopoldina AEEFL, em evento ocorrido no Clube Monte Líbano, na Lagoa Rodrigo de Freitas, RJ.

Significativo número de ferroviários aposentados, pensionistas e familiares esteve presente com suas crianças, que viveram momentos de alegria ao receber presentes do Papai Noel. Da mesma forma vários brindes forram sorteados aos participantes, entre os quais uma televisão de 32 polegadas e a estada por sete dias, para cinco pessoas, em apartamento pertencente a AEEFL, na Barra da Tijuca, sem qualquer custo ao sorteado e sua família.

Foi voz corrente no decorrer do encontro, o desagrado com o comportamento do governo, há quatro anos sem reajustar os salários dos ferroviários da extinta RFFSA. Entre os presentes se encontravam alguns dirigentes sindicais especialmente convidados, dos quais se obteve informações destacando-se encontro online agendado pela Federação Nacional dos Trabalhadores Ferroviários -FNTF, em 12 deste mês, com dirigentes da nova Estatal Infra S.A, empresa constituída pelo Ministério da Infraestrutura e que absorveu a Valec Engenharia e a Empresa de Planejamento e Logística – EPL. O encontro foi cancelado no último momento pelo Infra S.A. quando todos os interlocutores estavam já conectados. Seria a continuidade das negociações sobre o Acordo Coletivo do Trabalho, 2022/2023.

Por sua vez, foi entendimento de muitos ferroviários que participaram das comemorações, que a FNTF após tantos impasses praticados pela extinta VALEC e, agora, pelo INFRA, deveria entrar nos primeiros dias de janeiro, com pedido de mediação junto ao Tribunal Superior do Trabalho – TST.