PREZADO  Prof. JORNALISTA Fernando Abelha,

Bom Dia,

Tivemos  momentos  de grande alegria em fins de 2017 e 2018, com o  recebimento da DÍVIDA BILIONÁRIA que o Governo Federal mantinha contra a nossa gloriosa REFER há décadas cujo pagamento foi constantemente procrastinado pelos governos anteriores. Tal  SUCESSO, foi decorrente de exaustivos esforços de vários Diretores e Conselheiros da Fundação em diversas gestões anteriores, das quais participei ativamente, e será  fundamental para nossa sobrevivência com dignidade, já que o PLANO RFFSA  estava prestes a se tornar insolvente por esgotamento das reservas de segurança.

Nossa Alegria ainda carece de se tornar   totalmente concreta, visto que a também bilionária divida do Governo Federal com os PLANOS DA CBTU, ainda não foram equacionados e estão em compasso de espera, aguardando apoio da PREVIC, e intensa  ação dos NOVOS  MEMBROS DA DIRETORIA junto ao GOVERNO JAIR MESSIAS BOLSONARO, o qual, diga-se de passagem, recebeu e recebe apoio maciço, inquestionável e indiscutível da LABORIOSA CLASSE DOS  60 mil FERROVIARIOS DA EXTINTA RFFSA, dos metroviários da CBTU, Metrofor, CPTM, RIO trilhos, CENTRAJ, FUNDAÇÃO REFER, CTB,  etc

A grande preocupação, RECENTEMENTE SANADA,  se prende ao futuro da Instituição que era objeto de manobras, ligados a CUT e ex conselheira que nem participante da REFER o é mais, pois sacou suas reservas de poupança, e  dispondo dos CADASTROS de todos participantes, se utilizou de manipulações da verdade para influenciar nas eleições dos CONSELHOS DELIBERATIVO E FISCAL e até derrubar Diretores. Tal AÇÃO PREDATÓRIA, era facilitada principalmente pelo SISTEMA DE ELEIÇÃO PELA INTERNET E TELEFONE.

TODAVIA, para a ELEIÇÃO 2019, o fraudulento sistema FOI HABILMENTE ALTERADO, PELA NOVA DIRETORIA, EMPOSSADA EM 2019 para ANTIGO E SEGURO SISTEMA DE VOTOS IMPRESSOS  enviados pelos CORREIOS,  que sabidamente é menos expostos a fraudes, inclusive registrando  maior numero de votantes como visto, comparando as ultimas eleições .

Os riscos da REFER são  de ELEGER Conselheiros mal intencionados e ou comprometidos com pessoas e políticos inescrupulosos QUE VENHAM A COLOCAR EM RISCO O PATRIMÔNIO E OS RECURSOS FINANCEIROS DA FUNDAÇÃO e, consequentemente, os benefícios e provimentos dos participantes e pensionistas.

Assim sendo PARABENIZO A NOVA DIRETORIA,  pelas alterações implementadas registrando a plena  confiança no futuro da FUNDAÇÃO deste EX CONSELHEIRO e PARTICIPANTE FUNDADOR DA REFER  (FICHA Nº2) que também trabalhou efetivamente no recebimento da “DÍVIDA” 

Atenciosamente,                                                                        

Eng. Ferroviário Geraldo de Castro Filho