Colaboração de João Calegari – presidente do Sindicato dos Ferroviários  Rio Grande do Sul.

Comentários de Fernando Abelha

Edição por Luis Fernando Salles

Criminosamente essa e muitas outras oficinas da FEPASA e da RFFSA foram desativadas ou limitadas em sua eficácia. Não dá para entender o por quê de tanta insensatez dos que geram o destino do nosso país?
Podemos até privatizar ou conceder nossos serviços à iniciativa privada, mas com a presença do governo na fiscalização e proteção do patrimônio que pertence ao povo brasileiro. Isso é possível através das parcerias Públicas Privadas – PPPs através das quais o governo é parte do negócio e tem acento na diretoria e nos conselhos.
Os resultados das concessões ferroviárias da forma como foi feita, foram o abandono de uma categoria altamente especializada, como mostra o vídeo e perdas bilionárias de vias, com suas oficinas, imóveis e material rodante. É uma vergonha. Um assalto ao erário público.