Por Fernando Abelha

Espera-se para qualquer momento, ainda este mês, que a Federação Nacional dos Trabalhadores Ferroviários – FNTF e seus sindicatos da base ingressem no Tribunal Superior do Trabalho – TST, com Dissidio Coletivo em favor da categoria.

Mais uma vez a empresa VALEC – Engenharia posterga a aprovação de Acordo Coletivo do Trabalho, este último 2018/19 – encaminhado pela FNTF em abril do ano passado e até agora sem solução.  Esse retardamento faz com que, em maio próximo, completarão dois anos sem que os ferroviários da extinta RFFSA tenham seus salários, pelo menos, atualizados pela inflação reconhecida pelo governo.