Depois de CPTM, agora é Metrô que lança licitação para a compra de drone Equipamento deve ter funções diversas (Imagem meramente ilustratitva)

O Metrô de São Paulo também usará drones para verificar como estão as operações, condições de estações, trechos e canteiros. Nesta terça-feira, 4 de fevereiro de 2020, a companhia anunciou processo de licitação para uso desse tipo de equipamento. Além da aeronave não tripulada, a empresa interessada será responsável pelo fornecimento de acessórios e cartão de memória.

Já a abertura das propostas deve ocorrer no dia 28 de fevereiro de 2020. O principal critério da compra é o menor preço e a modalidade será pregão eletrônico. Como mostrado pelo Diário do Transporte, outras operadoras de sistemas de trilhos mostram interesse por drones.

A CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos também realizou licitação para compra deste tipo de equipamento.

Fontes: Diário do Transporte, Revista Ferroviária

https://diariodotransporte.com.br/2020/02/04/depois-de-…