Colaboração do engº Manoel Geraldo

Comentários de Fernando João Abelha

O filme abaixo mostra um trem de cargas geral em velocidade acima de 100 quilômetros por hora cortando a cidade canadense. No Brasil as concessionárias abandonaram a carga geral e se dedicam tão somente ao transporte de comódites e produtos acabados de siderurgia. Com a destruição da RFFSA a carga geral passou para as rodovias com custos a maior de 40% se comparados ao transporte ferroviário. O povo é quem paga a diferença enquanto corre maiores riscos de perder a vida nas rodovias repletas de caminhões.

Fonte: Internet