Pesquisa Luis Fernando Salles – Estagiário

Sindicatos do Sul Levam ao conhecimento da categoria ferroviária, alguns tópicos do Acordo Coletivo de Trabalho, com vigência entre 01/05/2016 a 31/04/2017 – assinado com a RUMO-ALL Em oportuno, informamos que o referido acordo aguarda homologação junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, havendo a sua conclusão, será disponibilizado na íntegra. REAJUSTE NOS SALÁRIOS: – 8% de reajuste mais R$-500,00 de abono para quem recebe até R$-3.000,00(três mil reais); -240,00(duzentos e quarenta reais) de reajuste mais R$-500,00 de abono para quem recebe acima de R$ 3.001,00(três mil e um reais; – Categoria “C” terá implantada a trilha de cargos a partir de 01 setembro 2016. -Pisos salário de ingresso reajuste de 8%. Piso mínimo R$-1.011,00. ADICIONAL DE REVEZAMENTO: Reajustado para 32% o adicional de revezamento. (Para a categoria “C” o pagamento será devido não importando quantas escala de serviço cumpra). Cessando o pagamento do referido adicional, por qualquer causa ou razão, o adicional será incorporado ao salário. TÍQUETE ALIMENTAÇÃO: Reajustado em 10% ficando R$ 22,00 (vinte e dois reais) cada tíquete. (24 tíquetes x 22,00 = 528,00) O desconto será somente de 1% limitado a R$-10,00. Será concedido um tíquete nas férias para todos os trabalhadores, sem limitação de salário. Se o trabalhador estender jornada de trabalho em 03 horas fará jus a mais um tíquete de R$-22,00, que será pago no mês seguinte. ADICIONAL DE SERRA: Reajustado o adicional de Serra para 37% (trinta e sete por cento) para o maquinista que realizar neste trecho 40% de viagens do mês. ADICIONAL DE MONITORIA: Reajustado para 10% (dez por cento) fara jus o maquinista instrutor que instruir acima de 30 horas por mês. ADICIONAL DE GUINCHO: Mantido o adicional para os trabalhadores que operam o guincho, adicional no salário nominal de 10% para 15 horas trabalhadas. DIÁRIAS: Reajustado as diárias de 36,00 para 40,00. Maquinista: O valor da diária = 1/30 do salário, sendo garantido o terço mínimo de R$ 13,00 (treze reais). A Categoria “C” se beneficiará do convenio hotelaria, mantendo as diárias mesmo que alojado em hotel, usufruindo de uma refeição e um lanche para viagem. Para a Categoria “C” o pagamento das diárias, será as efetivamente realizadas no mês; com o apontamento das viagens no mês de trabalho e consequente pagamento no mês subsequente. — Para os empregados nos cargos operacionais da via permanente, mecânica, pátio e tecnologia operacional, em viagem fora da sua sede: valor da diária igual 1/30 avos do salário/dia, sendo garantido o valor mínimo de R$ 40,00 (quarenta reais) pernoite em alojamento ou local de descanso da empresa, se em Hotel e R$ 20,00 (vinte reais). Demais funções – Em viagem fora da sua sede, – Rio de janeiro (capital) e São Paulo (capital) – R$ 40,00. Demais Localidades – R$ 20,00. JORNADA DE TRABALHO CATEGORIA “C”: A Jornada da categoria “C”, pode no máximo prolongar sua jornada em até 4 horas. AUXILIO MATERNO INFANTIL: Todas as mamães fazem jus ao materno infantil no valor de R$-250,00 por ocasião do nascimento do Neném até completarem 06 meses . As mamães que ganham menos que dois salários receberão o materno infantil até o Neném completar 06 anos. O trabalhador (homem ou mulher) que tiver filho com necessidades especiais recebe o adicional por tempo indeterminado. ADICIONAL NOTURNO: Mantém adicional noturno no valor de 30% do salário, para quem labora entre as 22:00 horas até o término da jornada no dia seguinte. BANCO DE HORAS ANALISTA E ADMINISTRATIVO: Mantém o Banco de horas, será de 03 em 03 meses, tempo este em que as horas serão compensadas ou pagas. PLANO DE SAÚDE: Será mantido o plano de saúde e não haverá reajuste na mensalidade, exceto nas mudanças de faixa etária. ATESTADOS MÉDICOS: Fica estabelecido o prazo de 03 (três) dias úteis (72 horas) para sua apresentação, a contar do primeiro dia de afastamento. Em caso de impossibilidade de deslocamento, internamento, ou imobilidade o empregado poderá fazer uso (imediatamente após ter o atestado em mãos) de meio eletrônico (whatsapp ou e-mail, escaneando ou fotografando documento) para comunicar seu afastamento, isso não altera o estabelecido no caput. A empresa abonará até 05 (cinco) ausências no ano para o empregado que necessitar acompanhar esposa, filhos menores filhos com deficiência a tratamentos médicos; o empregado apresentará a declaração médica carimbada e assinada conforme caput. A empresa abonará até 05 (cinco) dias a ausência “nojo” sem prejuízo do salário, em caso de falecimento do cônjuge declarado como dependente, pai ou mãe, e filhos, ou enteado declarado em sua carteira de trabalho e previdência social, que e viva sob sua “dependência econômica”. Os dias abonados não inclui o dia do óbito. TAXA NEGOCIAL: Em virtude de que as negociações que envolvem vantagens pecuniárias constituem serviço prestado à categoria profissional como um todo, ocasionando despesas que devem ser suportadas por todos os beneficiários do presente objeto, conforme determinado em assembleia entre 20 de fevereiro de 2016 a 23 de março de 2016, a empresa descontará em favor do SINDIFER a taxa Negocial no importe de R$ 60,00 (sessenta reais), dos empregados beneficiados pelo presente acordo, da seguinte forma: R$ 30,00 (trinta reais) até o 5ª dia útil do mês subsequente à assinatura do presente acordo e R$ 30,00 (trinta reais) no mês seguinte. Fica assegurada a todos os empregados a oposição ao desconto da taxa negocial, em conformidade com a Ordem de Serviço nº 01, de 24/03/2009, expedida pelo MTE, mediante a apresentação de carta de oposição de próprio punho, de forma individual, assinada e entregue, diretamente ao Sindicato

Fonte: site da FNTF