Por Fernando Abelha

A possibilidade de a Paraíba assumir a operação da CBTU no Estado foi rechaçada pelo secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga.

“Não há essa possibilidade, pois o Estado não tem nenhuma estrutura administrativa que opere transporte ferroviário de passageiros”, falou o secretário por meio da assessoria de comunicação da Secretaria.

Só depois que os Estados informarem à União se aceitam ou não ficar com a CBTU, é que Governo Federal saberá o que fazer com relação ao processo de privatização.