“Estimado Professor Fernando Abelha

Bom dia

Agradecemos a publicação dos seguintes esclarecimentos, neste já conceituado veículo de comunicação:

Fiel acompanhante do blog ferroviavezevoz.com, editado sob a responsabilidade de V.S.ª, não poderemos, em hipótese alguma, deixar passar despercebidos alguns comentários que surgem, quase que constantemente. Temos observado que a ansiedade aliada à necessidade fazem com que as pessoas, em determinados casos, até fiquem exaltadas. De qualquer maneira é interessante prestarmos alguns esclarecimentos a respeito do nosso dissídio.

Inicialmente, queremos deixar claro que não podemos violentar o ordenamento jurídico vigente em nosso país, até porque, é um instrumento que tem sido utilizado todos os anos não só pela FNTF, mas, também, pelos sindicatos da categoria a ela filiados. Vez por outra, aparecem sugestões mirabolantes como se nós tivéssemos condições de utilizá-las. Precisamos entender que o problema não é político e sim jurídico, consequentemente, tem suas regras e a elas temos que nos atrelar. Fiquem tranquilos porque estamos negociando e a qualquer momento estaremos dando uma ótima notícia para a categoria.

Hélio Regato de Andrade

Presidente da FNTF”